15.3.11

Lar LIXO Lar.

Desde sábado, quando eu vi este quadro do Lar Doce Lar no Caldeirão Huck, que eu não paro de me perguntar como podem existir pessoas tão porcas. Uma família de três mulheres consegue, em apenas 6 meses, acabar com o trabalho de Marcelo Rosenbaum e equipe. É revoltante!!! Tantas pessoas cuidadosas e caprichosas esperando uma oportunidade dessa.

Antes (depois da transformação):



Depois de 6 meses:
O vídeo mostra Luciano Huck voltando 6 meses depois para conferir a casa da família Kirino.


AQUI você pode conferir os episódios da transformação da casa.

LOVED THIS!!!

5 comentários:

  1. Realmente...um absurdo sem limites! A casa tinha ficado um "xodó",como tudo k o Marcelo Rosenbaum faz!!! Não entendi ate agora como não conseguiram manter essa casa linda!!? Penso, sinceramente,que isso é uma doença...e grave!Elas com certeza devem ter algum tipo de transtorno e precisam não de um "lar doce lar", mas de um psicanalista urgente!
    Foi revoltante mesmo! Outras tantas pessoas...queriam essa oportunidade! Pessoas "decentes" caprichosas e gratas!
    Enfim...realmente parece mesmo que "Deus dá nozes a quem não tem dentes"!
    Desculpe o desabafo, mas não não me conformei com o que vi!
    Abraços,
    (Maria do Mania de Casa)

    ResponderExcluir
  2. Que pesadelo... que tempo perdidopor toda equipe, pensando em todos os detalhes tudo organizado, no seu lugar.... e em menos de 1 ano fica pior do que estava antes!!!
    Deveria ter uma cláusula que os participantes teriam que zelar pela casa por pelo menos 1 ano... sem vender ou quebrar!!!
    uma vergonha!!!

    Bjssss

    ResponderExcluir
  3. Maria, até hoje não me conformo.

    Chica, é verdade deveria ter um contrato assim.

    bjs

    ResponderExcluir
  4. OI QUERIDA....ACOMPANHEI ESSE PROGRAMA TBM E ACABEI ME PERGUNTANDO..PQ PESSOAS ASSIM MERECEM ESSA OPORTUNIDADE..! COM CERTEZA OUTRAS COM CONDIÇÕES DE VIDA MUITO MAIS SIMPLES DARIAM MAIS VALOR.
    " SE JÁ DEVO CUIDAR DAS COISAS QUE CONQUISTO, IMAGINA AQUILO QUE NOS É DADO".

    BJUSS

    ResponderExcluir
  5. Anônimo5/4/11 20:18

    Acho que a avó não deixou de morar com elas por causa da situação da casa,mas sim pela porquic das japas corria o risco de desaparecer no meio do lixo.

    ResponderExcluir